CMV realiza audiência pública com a Corsan

Na noite desta segunda-feira (11), ocorreu no Plenário Tapir Rocha, a Audiência Pública com a Corsan, solicitada através do requerimento 91/2023, de autoria do vereador Alex Boscaini-PT e da vereadora Fátima Maria-PT. A Audiência teve por objetivo a prestação de contas aos usuários do município, por parte da Corsan, permitindo que a comunidade obtivesse elucidações sobre os serviços de abastecimento de água potável e saneamento da cidade, promovendo um debate de questões pendentes e o compartilhamento de informações essenciais para a melhoria do serviço prestado. 

Presidindo a mesa, estava o vereador Alex Boscaini-PT, e para compor a mesma, o deputado estadual Adão Pretto- PT, o vereador suplente e representante do Conselho Municipal de Saneamento, Rubem do Saneamento – PDT. Representando a AGERGS-Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul, esteve presente o diretor de qualidade de serviços, Ricardo Samuel Citolin.

Representando a Corsan do 4° e 8° Distrito, esteve presente Jayme Sidney Lemos;  já a CORSAN do Centro de Viamão foi representada pela gerente Ana Paula Tavares. O Sindiágua- Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgoto do Estado do Rio Grande do Sul contou com a presença do diretor Giovani da Silva. Em representação ao Procon- Proteção e Defesa do Consumidor, de Viamão, compareceu a diretora Larissa Silva e, por fim, o representante da METROSUL, Stenio Alves. 

A vereadora Eda Regina-PDT também esteve presente, bem como o ex-prefeito de Viamão, pela bancada do PT, Eliseu Chaves Ridi e a covereadora do Mandato Coletivo Teremos Vez- PT, Andrielle Prates.

A audiência contou com uma dinâmica de perguntas e respostas, com a finalidade de que tanto os vereadores, quanto os representantes dos conselhos, empresas, lideranças sindicais, e usuários da Corsan, pudessem ter direito à manifestação. 

O vereador Alex Boscaini- PT falou sobre a urgência em solucionar pendências que a Companhia vem apresentando nos últimos meses, em relação aos serviços prestados à comunidade viamonense, tendo em vista a terceirização da empresa e os novos desafios deste novo período. 

“Os munícipes de Viamão sempre sofreram muito com a falta de água, de forma permanente, e este ano não foi diferente. Existem alguns argumentos que escutamos, como a falta de investimento, falta de caixa d’água, ausência de novos projetos, entre outros. Sabemos que agora a Corsan também está responsável pelo saneamento básico e o destino do esgoto. Portanto, ainda pairam muitas dúvidas entre nós, com um município como o nosso, com uma população muito grande, nós nos deparamos com uma série de situações novas”, enfatizou o parlamentar. 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Compartilhe esta notícia:

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Facebook