VIAMÃO, 31/10/2020
Crise do coronavírus

Rumo ao lockdown: Hospital Viamão está superlotado; Não há nem macas sobrando

por Cristiano Abreu | Publicada em 19/07/2020 às 00h| Atualizada em 27/07/2020 às 10h32

O Hospital Viamão (HV) admitiu neste fim de semana que não tem mais capacidade técnica para receber novos pacientes. A direção da casa de Saúde encaminhou ofício ao Estado, no sábado (18), solicitando que não sejam encaminhados novos doentes.

Não há respiradores, nem macas sobrando.

Segundo o documento assinado pelo coordenador de Emergência do HV Bernardo Abruzzi Dias, não há como o hospital local receber pacientes "sem que os mesmos possam ser prejudicados". Neste momento, "não dispomos mais de macas em nossa emergência, nem de ventiladores mecânicos".

Eis a situação:

 

UTI COVID-19 (100% ocupação):

- 10 pacientes, sendo sete em ventiladores mecânicos;

- 3 em máscara de hudson;

 

UTI Geral Adulta (100% ocupação):

- 15 pacientes (100%), 11 deles em ventilação mecânica;  

 

Sala Vermelha:

- 4 casos instáveis, sendo 3 aguardando vaga em UTI Geral

 

Sala de medicação:

- 2 pacientes adultos aguardando leito de Enfermaria geral;

 

Sala de observação:

- 16 adultos em observação clínica, aguardando exames complementares;

 

Emergência:

- Não há macas disponíveis. 

 

Leia o documento na íntegra:

 

 

asasa