Sabado, 10 de ABRIL de 2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

Crônica

Ana D`Avila | O novo Papai Noel

Publicada em 15/12/2020 às 00h| Atualizada em 15/12/2020 às 14h04

O Papai Noel, por certo, aparecerá na noite do dia 24. Os pedidos de presentes foram enviados para o seu WhatsApp. Não mais em cartinhas pelo correio tradicional. O bom velhinho está com medo de pegar a COVID-19. Portanto, não dispensará a máscara e o álcool gel. É do grupo de risco.

Totalmente “on”, começou a receber os pedidos de presentes já pelo início do mês de dezembro. As pessoas não estão querendo muito consumo. Nem presentes caros. Nada de roupas novas, nada de joias, nada de supérfluos. A impressão que dá é que todos estão mais humildes.

Papai Noel lia a lista e ficava triste. Relembrando que anteriormente havia mais alegria nesta época. Agora tudo ficou mais sério. Mas ele entende, é o ano da transformação. A alegria, por certo, chegará em novo formato.

Acompanhando a modernidade, Papai Noel fará uma live direto do Polo Norte. Na noite de Natal, lerá um texto de conotação espiritualizada para milhares de seguidores. Falando principalmente de fé e gratidão.

Em vez de zarpar em seu trenó, está agora engajado ecológica e espiritualmente. Sugerirá que se plantem árvores. Que haja mais colaboração com os que não têm comida em suas mesas natalinas. Que perdoassem quem nos ofende. Ao vivo para o mundo, alertará sobre a água, que deverá ser consumida com economia. Pedirá atenção com o lixo gerado. Ele aposta na separação e na reciclagem. E defenderá que as crianças deverão receber, desde cedo, orientações e aulas sobre flora a fauna do nosso planeta.

Papai Noel está evitando aglomerações e lavando muito bem as mãos. Só depois é que colocará suas costumeiras luvas brancas e caminhará de seu quarto até a sala, onde fica seu computador. Iniciará a live com a certeza de boas novas. O “OH OH OH” não faltará, mas chegará aos lares mundo afora sob nova roupagem: gravada em plataformas digitais.

Estará conectado a YouTube, Instagram, Facebook e Twitter. O bom e velho Santa Claus sabe que a divulgação é a chave para grandes comunicações. E das transformações, agora ditadas pela Internet. Dispõe também, é claro, de um smartphone. Pelo aparelho poderá até receber ligações de vídeo dos mais íntimos. Papai Noel 2020 está aberto à novidades tecnológicas. Em sua casa tem inclusive um robô para ajudá-lo em questões com a informática.  Não mais explorará as renas em viagens desnecessárias e cansativas. Com isso, iniciará uma ampla campanha mundial em defesa dos animais.

Na noite de 24 de dezembro, todos os computadores do mundo estarão conectados à casa do querido Noel. As mesas estarão mais veganas e menos consumidoras de produtos de origem animal.

Papai Noel se transformará num mito vegano. E espiritual. Na ceia natalina não faltarão doces e frutas. No Natal em tempo de pandemia, Papai Noel fará a seguinte recomendação: “Sejam bons humanos. Esqueçam a maldade dos insensíveis. Tenham o amor e a fraternidade como bandeiras. Façam silêncio. E, orem.

Últimas Ana D`Avila

Cristiano Abreu

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9962 3023
[email protected]

Rafael Martinelli

Editor
[email protected]

Roberto Gomes

Diretor
[email protected]

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS