Sabado, 10 de ABRIL de 2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

Exclusivo

Edição de vídeo: Guilherme Klamt

Coronavírus, bastidores e aposta: ex-vereador Evandro Rodrigues avalia cenário político e pede desculpas por ter apoiado Maninho Fauri na eleição

Publicada em 29/03/2021 às 00h| Atualizada em 31/03/2021 às 12h28

Evandro Rodrigues (DEM), na tribuna da Câmara e na vida, sempre foi de soltar o verbo. O jovem ex-vereador nunca escondeu que gosta do embate de ideias, portanto, nos últimos meses não foi fácil para ele ter ficado em silêncio. Por pouco mais de três meses, apenas observou o início das novas gestões dos poderes Legislativo e Executivo e as movimentações políticas, contudo, na última semana ele voltou à cena.
A motivação veio da nomeação do também ex-parlamentar Maninho Fauri como secretário da Agricultura do prefeito Bonatto.

A saída do PSD e a aproximação com os tucanos fez Evandro pedir desculpa publicamente por ter feito parte da aliança com Fauri durante a corrida pela Prefeitura no ano passado (texto na íntegra após o vídeo). E fez uma aposta:

- Pode ser que não agora, mas tenho certeza de que Maninho se arrependerá dessa aproximação do o PSDB no futuro - declarou o ex-vereador. 

O político do DEM falou também sobre as perdas do ex-prefeito Russinho e do líder do MDB, Sarico Moura, ambos para a COVID-19, revelou bastidores da disputa pela cadeira de prefeito e avaliou os efeitos da pandemia no município.

Confira a entrevista na íntegra. A edição de vídeo é do Guilherme Klamt.

*Gravada em 26/03/2021

 

 

 

Íntegra do texto publicado por Evandro Rodrigues em suas redes sociais:

 

A VIDA É FEITA DE ERROS E ACERTOS. E EU PEÇO DESCULPAS A TODOS VOCÊS PELO ERRO QUE COMETI!

No ano passado, decidi não concorrer a prefeito e como todos sabem, decidi apoiar o Maninho. A decisão foi anunciada aqui {no Facebook} (e ainda está na minha página) e se deu pelo medo de dividirmos as nossas forças e entregássemos a eleição para o Bonatto, que tinha um projeto pessoal e muito diferente daquilo que eu penso ser o melhor. E o Maninho tinha algo muito parecido com o que eu lutava.

Perdemos a eleição de cabeça erguida.

Lembro, por exemplo, do período o qual o Maninho enfrentou a COVID-19. Aquela semana, estive nas ruas, a frente da militância, no carro de som, muitos dias com chuva caindo, com frio, comendo pouco para que não desanimássemos em tornar o Maninho nosso prefeito.

Fizemos pouco mais de 19 mil votos. Fomos escolhidos por uma maioria esmagadora que não queria a volta daqueles que tiveram a oportunidade de governar a cidade.

Hoje, com o ingresso de maninho no governo Bonatto, me sinto traído. Mas muito mais envergonhado. Envergonhado de ter ajudado o Bonatto a chegar onde queria.

Peço desculpas sinceras a cada um que escolheu o Maninho por minha causa ou pelos meus pedidos.

Desejo de coração, sucesso ao Maninho. Um dia espero entender a decisão que tomou.

Continuo à batalha. Muito envergonhado... mas de cabeça tranquila de que estou ao lado daqueles que querem uma cidade diferente.

A vida é feita de erros e acertos. Escolhi na certeza de que acertaria. E errei.

No futuro, estará em nossas mãos a oportunidade de reparar os erros. Nada é para sempre e nem eterno.

Mais uma vez, as minhas desculpas aos viamonenses.

#ViamãoVaiVencer

 

 

Leia também

Maninho Fauri fala pela primeira vez sobre saída do PSD e projeta futuro político: ’estou dialogando com Bonatto’

Últimas Cristiano Abreu

Crise do coronavírus
Ex-prefeito Nadim Harfouche está internado com COVID-19, e esposa se recupera em casa; Filhos pedem orações
Exclusivo
Coronavírus, bastidores e aposta: ex-vereador Evandro Rodrigues avalia cenário político e pede desculpas por ter apoiado Maninho Fauri na eleição
Mobilidade urbana
Assembleia aprova projeto de concessão de rodovias - RS-040 pode ser novamente entregue para a iniciativa privada
Crise do coronavírus
Viamão adere ao consórcio metropolitano para a compra de vacinas: entenda a polêmica e o caminho até a chegada das doses
Crise do coronavírus
Bandeira preta está mantida em todo o Estado, mas governo libera a cogestão; A Páscoa da COVID se aproxima
Crise do coronavírus
Eduardo Leite tenta justificar o injustificável: a retomada da cogestão é um equívoco que custará vidas; ’O Barrabás financeiro’
Exclusivo
Armando Azambuja avalia primeiros meses no comando da Câmara de Vereadores e anuncia envio de recursos à Prefeitura para o combate da COVID-19
Exclusivo
Maninho Fauri fala pela primeira vez sobre saída do PSD e projeta futuro político: ’estou dialogando com Bonatto’
Luto
Presidente de honra do MDB Viamão Sarico Moura morre vítima da COVID-19
Crise do coronavírus
O apelo desesperado de Bonatto aos negacionistas: ’318 não têm mais escolha, nós temos’ (ainda)
Crise do coronavírus
Governo do Estado mantém bandeira preta, proíbe venda de produtos não essenciais em supermercados e suspende cogestão por mais duas semanas
Crise do coronavírus
Hospital Viamão abrirá novos leitos clínicos para enfrentar avanço da COVID-19
Crise do coronavírus
Ultrapassamos as 300 mortes, e lotação do hospital Viamão atinge 383%; Bonatto anuncia telemedicina, estuda a compra de vacinas e garante testagem da população
Crise do coronavírus
Viamão adia volta da rede municipal e suspende retomada das aulas presenciais por tempo indeterminado
Crise do coronavírus
Cogestão será suspensa, e todo o Estado entra em bandeira preta a partir de sábado; Prefeito que tem juízo não deve reclamar
Operação Academus
Polícia Civil apurar crimes contra a administração pública e cumpre mandados em Viamão
Eduardo Leite puxou a escada
Bonatto volta atrás, e a bandeira preta ’desbota’ em Viamão; Secretária da Educação também está com COVID-19
Crise do coronavírus
Entre a cruz e a espada: vice-prefeito está com COVID-19, e Bonatto só aguarda ’melhor momento’ para anunciar fechamento do comércio; Problema é convencer os negacionistas
Crise do coronavírus
Eduardo Leite confirma bandeira preta para Viamão, mas mantém cogestão; Agora a pressão está sobre os ombros de Bonatto, que falará em live nesta noite
Crise do coronavírus
Viamão em bandeira preta: Prefeitura discute ações para enfrentar aumento da transmissão da COVID-19; 93% dos leitos do hospital estão ocupados

Cristiano Abreu

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9962 3023
[email protected]

Rafael Martinelli

Editor
[email protected]

Roberto Gomes

Diretor
[email protected]

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS