Sexta-feira, 17 de SETEMBRO de 2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

Crise do coronavírus

Viamão sob ’Aviso’ nos 3As da pandemia; Crescem os casos e disparam as mortes nos últimos 5 dias

Publicada em 28/05/2021 às 06h| Atualizada em 02/06/2021 às 11h17

Os indicadores da COVID-19 pioraram depois que Viamão recebeu “Aviso”, o primeiro dos ‘3 As’, o novo sistema de monitoramento da pandemia do Governo do Rio Grande do Sul. Tintas vermelhas demais no novo mapinha de colorir? Terrorismo midiático de urubu da Velha Capital? Não. É a ‘ideologia dos números’. Neste artigo, comparo os dados da primeira quinzena de maio e os últimos cinco dias.

Não só a Região 10, da Grande Porto Alegre, com 5%, mas todas as sete macrorregiões gaúchas registraram na última semana aumento no número de hospitalizados em leitos clínicos – o que tem como consequência a pressão nas UTIs. Em geral, o aumento nas internações em leitos clínicos é seguido de ampliação por demanda de UTIs (leitos de alta complexidade).

O boletim de aviso para Viamão e região alerta para o aumento na incidência de casos e “leve crescimento nas internações hospitalares”, uma mudança na curva que mostrava melhora no dia 15. Se na primeira quinzena a ocupação de leitos de UTI na Região 10 era de 72%, nos últimos dias subiu para 77,8%. Eram 180.603 casos da COVID-19 e hoje são 183.540. Os óbitos era 6.955 óbitos e chegam a 7.167. A taxa de mortalidade subiu de 293.6 a cada 100 mil habitantes para 302,5/100 mil.

Viamão fechou a primeira quinzena com 7.651 casos e 620 vidas perdidas. Neste dia 27 chegou a 7.909 infecções e 643 óbitos. Foram 258 casos e 23 mortes em 12 dias.

Foram 13 mortes nos últimos 5 dias (média de 2,67dia).

A média diária de 1,26 infectados e 0,6 óbitos na primeira quinzena – que era uma boa notícia frente a 9,5 casos/dia e 3,07 mortes por dia em abril, e, em março, pior mês da pandemia, 6,09 mortes a cada 24h – disparou entre os dias 16 e 27, atingindo média diária de 23.46 infectados e 1,91 mortes.

Para efeitos de comparação, janeiro e fevereiro tinham média próxima a 1,2 vidas perdidas por dia.

Reafirmo: preocupa-me por demais a previsão de Miguel Nicolelis, que alerta para uma terceira onda devido à vacinação a conta gotas – temos, com dados de hoje, apenas 14% vacinados com a primeira e segunda dose – e a chegada do ‘General Inverno’. É o mesmo cientista que chamo ‘Nostradamus da pandemia’ por, ainda em janeiro, e sob críticas de ser alarmista, ter profetizado a segunda onda.

Como Dr. Stockmann, em Um Inimigo do Povo, apelo por responsabilidade aos prefeitos que agora estão com as canetinhas de colorir mapa, e também, ou principalmente ao povo, para que a falsa sensação de normalidade não nos leve à tragédia de março.

Inegável é que o sistema ‘3 As’, que libera geral, no ‘novo normal’ tem ganho por covidiotias um outro ‘A’, de “aglomeração”.

Ao fim, apos as últimas semanas de calmaria antes da volta às aulas, recomendo a Bonatto acrescentar outro “A” ao quadro de Viamão: o de “antecipação”.

Já podem preparar os leitos.

 

LEIA TAMBÉM

Entenda o caso da ’vacina falsa contra a COVID-19’ em Viamão: o que dizem Prefeitura, Estado e Ministério Público

O marketing dos recuperados: e daí que são 6,9 mil? Acerta quem enxerga primeiro os casos ativos e os 630 mortos de Viamão

Últimas Rafael Martinelli

Política
Onde estarão os políticos de Viamão após fracasso do ’nem-nem’ deste domingo? O ’ex e o futuro presidiário’
Política
A foto P&B do golpe: caminhoneiros protestam em Viamão; O ’MST do bolsonarismo’
Política
Bolsonaro lembra ’Hitler de Luciana Gimenez’; Pop It de 7 de setembro é a ’Pornochanchada da Cervejaria’
Crise no transporte
Deputada da região mexe na polêmica do transporte coletivo; Sem risco, qualquer um pode ter empresa de ônibus
Crise no transporte
Estudo mostra ser irreversível subsídios como o concedido para a Empresa Viamão
Política
A Brigada Militar não será cúmplice de arruaças bolsonaristas dia 7; O Jim Jones de meio milhão de mortos
Política
Governador libera mais dinheiro antes de pedagiar ERS-118; O meio bilhão e o ’país do faturo’
Crise no transporte
Assim como Viamão, Cachoeirinha e Gravataí também bancaram indenização milionária para empresa de ônibus por perdas na pandemia; A institucionalização do subsídio
Crise no transporte
Do subsidio de hoje ao fim das gratuidades, até tarifa zero bancada pelo IPTU amanhã; O sincericídio e o caça-cliques
Crise do Coronavírus
Mesmo com novo aviso de risco, eventos liberados até 400 pessoas; A ’lei Vampeta’ em Viamão e na Grande Porto Alegre
Crise do coronavírus
Com a variante delta em Viamão e na vizinhança, região recebe aviso de risco, mas aumenta lotação de ônibus e escolas; Os Grandes Lances dos Piores Momentos
Tragédia
Secretária da Educação de Gravataí e marido são encontrados mortos em Gramado
Crise do Coronavírus
’Festa da Covid’: Estado adia liberação gradual de eventos até 20 mil pessoas em Viamão e Grande Porto Alegre
Crise do Coronavírus
Viamão e prefeitos da região querem liberar eventos até 20 mil pessoas; A ’festa da COVID-19’
Redes sociais
O massacre sobre a menina de 12 anos que desapareceu; Os ’criminosos de bem’ do Grande Tribunal das Redes Sociais
Política
De Viamão à Paulista, o bolsonarismo mostra seu tamanho; Suicídio, homicídio e um infeliz 8 de setembro
Política
Dia do orgulho | Vereador propõe Frente LGBTQIA+; Jesus está vendo placar da tolerância
Prepare o Bolso
Leite bateu o martelo: pedágio da RS-118 será em Gravataí; Viamão e Alvorada pagarão passagem sem arrecadar um Real sequer de imposto
Crise do Coronavírus
Viamão: ação busca indenização de prefeituras para comércios por perdas na pandemia; A ’teoria do príncipe negacionista’
Pedágios nas RS 118 e 040
Viamão cercada por pedágios: Lançada Frente contrária; O ’bode de Leite’ está na cancela
Paginas: [1] 2 3 Próxima »

Cristiano Abreu

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9962 3023
[email protected]

Rafael Martinelli

Editor
[email protected]

Roberto Gomes

Diretor
[email protected]

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS