Terça-feira, 07 de DEZEMBRO de 2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

Crise do coronavírus

Passageiro do transporte público usando máscara | IMAGEM: Marcelo Casal JR./Agência Brasil

Viamão de máscara: números e (muita) cautela com a COVID; Ainda cai um Boeing por dia no país

Publicada em 03/11/2021 às 15h11| Atualizada em 09/11/2021 às 15h14

O número de infectados internações e óbitos pela COVID-19 caíram em Viamão no mês de outubro, conforme dados compilados pelo Diário de Viamão. É a ‘ideologia da ciência’ comprovando que, mesmo com o ‘novo normal’, a vacinação funciona. Já é hora para tirar a máscara?

O momento é de estabilidade, mas ainda requer cautela. Assim como há a necessidade da aplicação da dose de reforço, principalmente em idosos.
É fundamental!

Sobre o uso de máscaras, há uma tendência natural de liberação em espaços abertos. Mas o tema foi regrado por legislação federal. Portanto, é necessário aguardar alteração nacional. O Estado também vem estudando o tema.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, são, até esta terça-feira (2), pelo menos 14.359 casos, 199 destes em outubro. A média diária foi de 6,4. Em setembro tinha sido de 9.9. Para efeitos de comparação em agosto foi 10,5; julho 14.1 e junho 29.9.

Os óbitos caíram de 0.43 para 0.38 a cada 24h. Em agosto foi de 0.58; julho 0.67; junho 1.35 e março, o pior mês da pandemia, 6,25 a cada 24 horas.
Já são 767 moradores da Velha Capital levados pela pandemia.

Ontem, 18 das 30 UTIs estavam ocupadas. E 18 dos 30 leitos de enfermaria também estavam com pacientes. Hoje são 7 as vidas que dependem de respiradores.

Até o sábado (30), a média móvel no estado foi de 1.512 infectados diários, 64% maior do que há duas semanas e o maior desde a metade de agosto.

A média de mortes permanece estável: 31 vítimas diárias, 15% acima do registrado duas semanas atrás.

No país o total de mortes em outubro de 2021 foi 11.060. É o menor número desde abril de 2020, quando o país registrou 5.804 mortes no mês. A média é de 357.

 

Vacina

 

- Em Viamão, 191.443 já receberam ao menos a primeira dose, e 135.267 têm o esquema vacinal completo. Outras 11.104 receberam a aplicação do reforço.

- Conforme o Comitê de Crise do RS, 78,6% dos gaúchos já receberam a primeira dose e 61,2% completaram o esquema vacinal.

- A meta do Ministério da Saúde para controlar a covid-19 é vacinar 85% de todos os habitantes com duas doses. Ainda estamos no meio do caminho.

 

Sigo eu:

Ao fim, são bons indicadores. Mas reputo ainda não é o momento para desobrigar o uso da barata e eficaz máscara, nem mesmo ao ar livre. Especialista apontam isso. Grosseiramente: você pode estar andando pela Coronel Marcos de Andrade de máscara e alguém passar bem falante e cuspindo no seu olho.

A pressa dos EUA para abolir máscaras foi considerada um erro de estratégia. Houve liberação e recuo após o número de novos casos diários aumentar de 13 mil para mais de 57 mil em poucas semanas.

Ao fim, a pandemia não está sob controle e o número de mortes ainda é inaceitável. Em Viamão, neste momento, lamentamos uma vida perdida a cada três dias. No Brasil cai um Boeing a cada 24h. Recuso-me a acostumar.

Últimas Rafael Martinelli

Causa animal
Justiça dos homens autoriza matança de animais no Pampas Safari; CEP: Cemitério de Cervos
Política
Comissão da AL debate programa hospitalar de Leite que traz perdas à região metropolitana
Educação
Viamão volta às aulas obrigatórias nesta segunda
Crise do coronavírus
Viamão de máscara: números e (muita) cautela com a COVID; Ainda cai um Boeing por dia no país
Crise do coronavírus
Prefeito, não ouça negacionistas: apresente o ’passaporte vacinal’ em Viamão; A vida não tem partido
Política
Parecido com Viamão: prefeito de cidade vizinha é afastado, e chefe do MP fala em mesada e malas de dinheiro
Crise do transporte
’SUS dos ônibus’: prefeitos apelam a Leite e Bolsonaro por socorro ao transporte coletivo; Hoje reféns, e amanhã?
Crise do coronavírus
Viamão diz ’não’ para o negacionismo homicida; A fumaça, a ex, o caçula e o assassínio curandeiro na Prevent Senior
História
Até quando vamos endeusar a revolução farroupilha?
Política
Onde estarão os políticos de Viamão após fracasso do ’nem-nem’ deste domingo? O ’ex e o futuro presidiário’
Ônibus
Crise no transporte: Bonatto e prefeitos querem fundo estadual para subsidiar a Viamão e empresas de ônibus da da Grande Porto Alegre; Na União, Bolsonaro vetou
Política
A foto P&B do golpe: caminhoneiros protestam em Viamão; O ’MST do bolsonarismo’
Política
Bolsonaro lembra ’Hitler de Luciana Gimenez’; Pop It de 7 de setembro é a ’Pornochanchada da Cervejaria’
Crise no transporte
Deputada da região mexe na polêmica do transporte coletivo; Sem risco, qualquer um pode ter empresa de ônibus
Crise no transporte
Estudo mostra ser irreversível subsídios como o concedido para a Empresa Viamão
Política
A Brigada Militar não será cúmplice de arruaças bolsonaristas dia 7; O Jim Jones de meio milhão de mortos
Política
Governador libera mais dinheiro antes de pedagiar ERS-118; O meio bilhão e o ’país do faturo’
Crise no transporte
Assim como Viamão, Cachoeirinha e Gravataí também bancaram indenização milionária para empresa de ônibus por perdas na pandemia; A institucionalização do subsídio
Crise no transporte
Do subsidio de hoje ao fim das gratuidades, até tarifa zero bancada pelo IPTU amanhã; O sincericídio e o caça-cliques
Crise do Coronavírus
Mesmo com novo aviso de risco, eventos liberados até 400 pessoas; A ’lei Vampeta’ em Viamão e na Grande Porto Alegre

Cristiano Abreu

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9962 3023
[email protected]

Rafael Martinelli

Editor
[email protected]

Roberto Gomes

Diretor
[email protected]

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS