Sabado, 16 de OUTUBRO de 2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

Crônica

O mundo de Alice | Saia dos trilhos, para que possa retornar a si ainda melhor

Publicada em 07/06/2021 às 00h| Atualizada em 08/06/2021 às 09h27

Escreva, dance, cante ou grite. Permaneça experimentando e mudando, mesmo que cortem suas asas ou coloquem fogo nas tuas vestes. Mesmo que no espelho, a tua face te pareça insana, te pareça frágil.

Permaneça escrevendo e dançando, para que tuas histórias vivam para sempre. Para que teus demônios sejam libertos, para que o teu corpo não padeça sob a monotonia que se estende nesses dias.

Permaneça escrevendo e cantando, para que tu não te tornes refém da tua própria loucura. E quando se expressar, ateie fogo nas tuas palavras e no teu movimento, nas tuas cores e no teu ritmo. Te cobre de luar, magia. Interpreta o teu personagem, e se deixa cativar pela melhor atuação que há, a tua.

Saia dos trilhos, de modo que eles pensem que te conhecem, coisa que no fundo jamais saberão. Conta dos teus infortúnios, e caminha livre pelas tuas frases descabidas, sem precisar da aprovação de terceiros para que sejas livre, tal qual um pássaro voa no céu.

Cria o teu próprio jeito de encarar a realidade, e de fantasia loucuras quando a vida doer. Não te encolha para entrar em lugares que não te pertencem por natureza. E faz um jardim com flores excêntricas, alimenta os peixes dourados e azuis, conta os teus segredos a eles.

Divida contigo esse sentimento ambíguo de ser quem tu és, confia nos seres que se manifestam dentro de ti, as partes que te compões e não ignora-te.

Na calada da noite, quando todos estão dormindo, a mágica acontece. Usa roupas que te agradem e pinta as unhas de vermelho, um terno ou uma coroa. Anda de vestido branco, sem medo da transparência.

E volta aos trilhos, diferente do modo que saiu, ainda melhor. Servirá ao diabo aos finais de semana, e aos anjos na segunda-feira.

Com espirituosidade e fantasia, Alice.

Últimas O mundo de Alice

Crônica
O mundo de Alice | Para o meu amor: uma construção diária
Crônica
O mundo de Alice | Esteja disposta a mudar de rota
Crônica
O mundo de Alice | Mulheres são múltiplas: para além do papel de esposa, namorada e mãe
Crônica
O mundo de Alice | Processos: quanto tempo leva até fazer sentido?
Crônica
O mundo de Alice | Não quero mais me desculpar, não posso mais me desculpar
Crônica
O mundo de Alice | Arte: uma religião escondida nas cores?
Crônica
O mundo de Alice | Uma decisão: me escolher todos os dias
Crônica
O mundo de Alice | Uma carta de amor para alguém que merece ser amada
Crônica
O mundo de Alice | Literatura: para que serve e por que devemos ler?
Crônica
O mundo de Alice | Autocobrança: você dá o seu ’melhor’?
Crônica
O mundo de Alice | O espelho e eu: minha própria companhia
Crônica
O mundo de Alice | Sentimentos que te atravessam: a difícil missão de se concentrar no agora
Crônica
O mundo de Alice: Viamão e a arte: olhos voltados para fora jamais enxergarão a beleza lá de dentro
Crônica
O mundo de Alice | Viamão & meio ambiente: bituca de cigarro não é semente, papel de bala não vira flor
Crônica
O mundo de Alice | Conversa de bar - Realização pessoal: o que significa realizar-se na vida, para você?
Crônica
O mundo de Alice | Escolhas: um olhar profundo para nossas verdadeiras intenções
Crônica
O mundo de Alice | Solitude - o bendito fruto de nós mesmos
Crônica
O mundo de Alice | Saia dos trilhos, para que possa retornar a si ainda melhor
Crônica
O mundo de Alice | Caixa secreta: nós mesmos, nossos desejos e anseios
Crônica
O mundo de Alice | Solidão: A coragem de estar só
Paginas: [1] 2 Próxima »

Cristiano Abreu

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9962 3023
[email protected]

Rafael Martinelli

Editor
[email protected]

Roberto Gomes

Diretor
[email protected]

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS