Segunda, 18 de JANEIRO de 2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

Posse dos eleitos

Imagens CMV/Divulgação | Edição de vídeo: Guilherme Klamt

Vereadores eleitos em Viamão tomam posse na Câmara; composição da mesa diretora não teve surpresas

por Redação | Publicada em 01/01/2021 às 00h| Atualizada em 11/01/2021 às 14h02

Na manhã desta sexta-feira, 1º de janeiro de 2021, os vereadores eleitos para a 18ª Legislatura tomaram posse na Câmara de Viamão. Os parlamentares também elegeram a Mesa Diretora que conduzirá os trabalhos legislativos neste primeiro ano.

Conforme o Dário de Viamão antecipou ontem na coluna do jornalista Cristiano Abreu, Em 2021, a Casa será presidida pelo vereador Armando Azambuja (PSDB). Dieguinho Santos (PSD) é o 1º vice-presidente e o vereador Dilamar de Jesus (PSB), é o 2º vice-presidente. Rodrigo Pox (PDT) e Preguinho (DEM) são primeiro e segundo secretários.
A Mesa Diretora foi eleita com 19 votos favoráveis, um contrário e uma ausência, mediante chapa única.

 

Recorde:

Armando presidente e Dieguinho vice: as cartas marcadas na eleição da Câmara

 

A cerimônia

 

Para seguir as recomendações das autoridades sanitárias, a solenidade aconteceu com restrições em relação ao acesso às dependências da Câmara, com o objetivo de prevenir a disseminação do novo coronavírus. Cada vereador teve direito a um covidado apenas. Para garantir a transparência de todos os atos, o Legislativo realizou a transmissão ao vivo da cerimônia em seus canais oficiais.

 

O presidente

 

Armando Azambuja– PSDB, que está em seu sexto mandato como vereador e pela segunda vez presidente do Legislativo, destacou que sua gestão será marcada pelo princípio da justiça e da transparência.

- Agradeço a confiança de todos para que possamos assumir a presidência desta Casa. Agradeço a todos os meus familiares, assessores e eleitores e afirmo que nossa gestão será marcada pelo princípio da justiça, da transparência e de muito trabalho para a comunidade de Viamão. Neste momento, em que estamos passando por uma pandemia, precisamos colaborar ainda mais com a população. Representarei o prefeito Valdir Bonatto neste Legislativo. Que todos tenhamos um excelente 2021, com saúde e prosperidade a Viamão - disse Armando.

 

Armando (PSDB)

 

O vereador Roni Bella (PSD), que teve o maior número de votos em Viamão, manifestou-se na tribuna e destacou o seu compromisso com a comunidade viamonense.
 

- Que todos tenhamos um excelente 2021 e que possamos contribuir para o avanço de nossa cidade. Nosso compromisso é com a comunidade viamonense, auxiliando os mais desfavorecidos - fechou o novo parlamentar.

 

Roni (PSD)

 

Os vereadores eleitos e empossados:

 

Roni Bella – PSD

Dieguinho Santos – PSD

Alex Boscaini – PT

Dilamar de Jesus – PSB

Xandão Gomes – Republicanos

Eraldo Roggia – PTB

Fabrício da SH – MDB

Luizinho do Espigão – PSDB

Fátima Maria – PT

Willian Pereira – PTB

André Gutierres – Progressistas

Rodrigo Pox – PDT

Keno do Jari – PSDB

Dédo Machado – MDB

Armando Azambuja – PSDB

Prof. Igor Bernardes – PL

Thiago Gutierres – PSD

Markinhos da Estalagem – PSB

Preguinho – DEM

Rodrigo do Bar – Cidadania

Eda Regina – PDT

 

Posse do prefeito

 

O prefeito eleito Valdir Bonatto – PSDB e o vice-prefeito, Nilton Magalhães – PSDB, tomou posse nesta tarde no plenário Tapir Rocha.

 

Bastidores

 

- Chamou atenção o protagonismo do presidente do PDT Alexandre Godoy e do futuro secretário do Governo, Rafael Bortoletti “dando cartas” na montagem das comissões. Godoy propôs Luizinho do Espigão (PSDB) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e Roni Bella na de Orçamento. Roni Abriu mão e o vereador Dieguinho Santos (PSD) será o titular;

- Ex-prefeito e vereador, portanto experiente, Alex Boscaini (PT) ficou isolado de todos os debates do dia. O único voto contrário na eleição da mesa é o dele. Inclusive, não quis participar da foto oficial no fim da cerimônia. André Gutierres (PP) tinha compromisso e saiu mais cedo; Dédo Machado (MDB) havia comunicado que não participaria da posse;

 

 

- Nos corredores da Casa se comenta que Xandão Gomes (Republicanos) e Dilamar de Jesus (PSB) perderam preço. Os dois foram o centro da crise administrativa do município após a morte de Russinho ao negarem a responsabilidade legal de assumir a Prefeitura. Xandão ficou fora da mesa, já Dilamar volta ao comando como vice-presidente do Legislativo.
É aí que a tese de perda de poder se dissipa;

 

Recorde:

Dilamar de Jesus toma decisão sobre assumir Prefeitura; Em paralelo, vereadores fazem pressão e recebem ’visita’ de André Pacheco

Viamão sem prefeito: Xandão Gomes diz que responsabilidade é de Dilamar e que renunciará se for notificado para assumir a Prefeitura

 

- Bonatto mantém a fala de que a composição política na Câmara não significa ingresso na base da Administração municipal. Mas o discurso de posse deixou claro que busca o maior número possível de apoio.

- Queremos estar juntos, independentes da questão partidária, para fazer as coisas acontecerem em nossa cidade –

COM VÍDEO

Confira a cerimônia de posse dos vereadores na íntegra:

 

 

 

Leia também

Os primeiros nomes: apuração do Diário revela secretariado de Valdir Bonatto

Temporada de redecoração: vereadores esvaziam gabinetes e móveis ’desaparecem’ da Prefeitura; os preparativos e as indefinições da posse

A nova composição da Câmara: conheça os eleitos e os suplentes

Pelo menos quatro frentes disputam a presidência da Câmara: o cabo de guerra

 

Cristiano Abreu

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9962 3023
[email protected]

Rafael Martinelli

Editor
[email protected]

Roberto Gomes

Diretor
[email protected]

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS