Espírito Natalino, prazer!

Afinal de contas, onde está o espírito natalino? Chega ser cansativo ver e ouvir programas jornalísticos e propagandas em TVs, rádios e jornais comentando sobre esse assunto. Há muito tempo eu venho refletindo sobre isso: o natal.

Ao observar ruas, percebo que o natal traz a vontade de decorar a casa, enfeitar o jardim e tornar a nossa rotina de ir e vir mais coloridas, principalmente, pelas luzes dos piscas-piscas. Também observei o sentimento de ajuda com os mais necessitados. É no mês de dezembro que empresas fazem grandes doações de alimentos, pessoas adotam crianças para presentear e qualquer outro exemplo de carinho ao próximo é motivo para compartilhar com os demais. Mas por que só em dezembro?

Nosso calendário tem 365 dias do ano, divididos em 12 meses e só em dezembro é apto para espalhar a felicidade do natal? Para os cristãos – aquele que acreditam na existência de Jesus Cristo – o dia 25 de dezembro é comemorado o nascimento do menino salvador. Aquele ser iluminado que ajudou a todos sem discriminação, acolheu os mais necessitados em qualquer momento do dia e nos ensinou que o amor é o único remédio para as doenças da alma.

Eu volto a questionar: será que só em dezembro é possível fazer uma criança feliz? Pois bem, peço que reflitam sobre isso ao ouvir a música da banda Roupa Nova. Em poucas estrofes a música diz assim: “Se a gente é capaz de toda essa magia, eu tenho certeza que a gente podia fazer com que fosse Natal todo dia”.

Você também concorda?

Desejo a todos vocês, caros leitores, um natal de paz e amor. E que esse espírito natalino permaneça nas em nossas vidas ao longo dos próximos 365 dias de 2019. E que o vídeo abaixo, feito com muita dedicação, possa contagiar todos os corações.

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Compartilhe esta notícia:

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa NewsLetter

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook