O empreendedorismo de Ohana

Segundo o dicionário, o verbo empreender significa: conseguir ou tentar fazer (algo muito difícil); tentar: empreender um trabalho excessivamente perigoso; colocar em desenvolvimento e/ou execução; realizar. Para muitos brasileiros, ou melhor, para mais de um milhão de gaúchos, o empreendedorismo é a única saída para conseguir uma renda fixa. Esses dados são do SEBRA RS que também afirmar uma grande ascensão feminina em cargos corporativos, onde 44% desses novos cargos de liderança são ocupados por mulheres.

Em muitos locais, o ato de gerenciar o próprio negócio ou marca vem da escassez de oportunidades e vagas de empregos. Foi exatamente isso que aconteceu com a empreendedora Carol Querubin. Formada em Design de modas, a Carol sentiu dificuldades em se colocar no mercado de trabalho ainda durante a faculdade. Depois de pegar o diploma, não pensou duas vezes e lançou a marca Ohana Store. Primeiramente, com vendas na internet e, desde o início desse ano, na loja física localizada bem no centro de Viamão.

Para o empreendedorismo feminino crescer cada vez mais é necessário a ajuda de todos – homens e mulheres – para que ambos possam conquistar mais força e espaço no mundo corporativo. Confira a trajetória de Carol Querubin e os desafios de empreender no segundo episódio do DV Mulher:
 

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Compartilhe esta notícia:

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook