Câmara aceita denúncia contra vereador Sérgio Ângelo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

A Câmara de Viamão aprovou a abertura de processo disciplinar contra o vereador Sérgio Ângelo (PV). A admissibilidade da Denúncia 006/2020 contra o parlamentar, preso desde o dia 15 de setembro, ocorreu em votação na sessão desta terça-feira (29). Foram 13 votos favoráveis.
Com isso, o vereador suplente Victor Braga (PTB) assume como suplente.  

Após a aprovação e mediante sorteio, foi definida uma Comissão Processante para a realização dos trabalhos e averiguações, composta pelos vereadores Maninho Fauri – PSD, Igor Bernardes – PL e Joãozinho da Saúde – MDB.

 

Entenda a prisão

 

Ângelo foi preso na etapa ostensiva da Operação Pegadas, no cumprimento de decisão cautelar proferida pela 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. A investigação se dá sobre indícios de ilicitude e superfaturamento relacionados à contratação de serviços médicos, inclusive durante o período de pandemia (de outubro de 2019 a junho de 2020). Também, em indícios de irregularidade na aquisição de pares de tênis, sem licitação, com sobrepreço, nos anos de 2018 e 2019.

Além disso, o Ministério Público investiga a continuidade de fraudes e superfaturamento na contratação de serviços de limpeza urbana e manutenção de prédios públicos, até a presente data, inclusive mediante a utilização de empresa de fachada, em nome de laranja de integrante do Poder Legislativo local.

 

Operação Pegadas: a política de Viamão pisa em ovos
 

 

Leia mais:

 

Mesmo preso, vereador Sérgio Ângelo recebe salário integral em setembro; Os tigres de papel da Câmara

Câmara volta a lembrar da Saúde e ’empurra’ Sérgio Ângelo para depois em dia de bate-boca entre vereadores; O bode na sala – parte II

Vereador Sérgio Ângelo completa uma semana preso, mas segue no cargo; A Câmara conseguiu o ’bode na sala’ para retardar o afastamento

Operação Capital afasta prefeito, secretários e vereador de Viamão por suspeita de crimes licitatórios

Justiça aceita denúncia do Ministério Público contra André Pacheco e vereador

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Conteúdo relacionado

Ana D’Avila | A indecisa

Ela tinha pouca opinião, muitas indagações e uma única e perturbadora incapacidade de decidir. Tudo para Luzia era dúbio. E por ser assim, tudo ficava confuso e difícil. Diz o

Leia mais »

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook