Evandro Rodrigues volta à cadeira de prefeito: entenda

Evandro Rodrigues (DEM) esvaziava seu gabinete na Câmara quando foi chamado para sentar novamente na cadeira do prefeito de Viamão. Quem ligou foi o próprio André Pacheco, mas não se trata de uma saída antecipada do cargo – ele fica até a meia-noite do dia 31.

É que o chefe do Executivo chamou Rodrigues para assinar o famoso livro que registra, entre outras, as posses dos que assumem a Prefeitura. Tal documento é um pedaço importante da história administrativa da Velha Capital. 
​Justo e necessário reparo feito.

Na tarde de ontem (30), Evandro anotou seu nome nas páginas já amareladas pelo tempo. É que quando ele assumiu em julho, após a morte de Russinho, o livro havia "desaparecido".
Coisas da política viamonense.

Página virada que simboliza o que foi 2020: um monte de rabiscos, atrasos e incertezas administrativas. No dia primeiro de janeiro, esse mesmo livro ganhará novas assinaturas.
Aguardemos as linhas futuras desse roteiro tragicômico intitulado Viamão.

 

Agradecimento

 

O vereador, que encerra mandato amanhã, escreveu um agradecimento em suas redes sociais: 

 

"HOJE SENTEI NA CADEIRA DE PREFEITO NOVAMENTE E ASSINEI O LIVRO DE POSSE.

Na tarde de hoje, de forma simbólica e a convite do Prefeito André Pacheco, assinei o livro de posse do nosso município, referente ao período a qual estive Prefeito.

Em julho, após a morte do meu grande amigo e Prefeito Russinho Elias, assumi a Prefeitura de maneira interina e infelizmente o livro sumiu e não pode ser registrado tal momento.

Hoje, a assinatura simboliza um capítulo da história do município, principalmente nas ações que tomamos enquanto Prefeito:

– Guarda Municipal;

– Compra dos leitos do hospital de Viamão para enfrentamento do COVID-19;

-Reajuste de 5% do quadro geral dos Servidores;

– Compra dos 5 mil testes do COVID-19

-Compra dos laboratórios de informática para todos as escolas (Recurso que seria investido na Feira Literária e desfiles de 7 de setembro).

E por fim, agradecer a todos os viamonenses que estiveram ao meu lado naquele período, me ajudando e torcendo para que pudéssemos fazer o melhor para a nossa Viamão.

Obrigado, Viamão!"

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Compartilhe esta notícia:

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook