Os 27 recrutas e o comandante-em-chefe

Prefeito André Pacheco e Samuel do Vila Ventura vestiram os paramentos dos bombeiros

Vila Ventura recebeu nesta quarta-feira a instrução prática do curso de Bombeiro para 27 recrutas da corporação – e o prefeito André Pacheco foi até lá, conferir

 

Mais do que conferir: André Pacheco participou.

– Veste, prefeito. Só para ver como é quente – avisou o sargento Fabiano, que comandou o treinamento.

Samuel Silveira, do Vila Ventura, também vestiu. Ele comemorava, ainda, o andamento do Plano de Prevenção e Combate a Incêndio do resort, que tramita no batalhão.

A operação feita no Vila Ventura é parte do treinamento que cada um dos 27 recrutas está recebendo antes de ser designado para uma unidade da corporação – daí, sim, combater incêndios e atender ocorrências de verdade. Outros cinco municípios também promovem treinamentos parecidos – no total, 180 recrutas devem ser colocados na ativa até a metade do ano.

 

Recrutas receberam instruções sobre o controle da mangueira e jato de água

 

A expectativa é de que alguns deles venham para Viamão – mas o número ainda não está fechado.

– Prefeito, aqui em Viamão, você é o comandante, o chefe do Poder Executivo. Vamos trabalhar juntos – disse Fabiano.

Em uma conversa ao pé do ouvido, eles certamente falaram das necessidades da corporação na cidade – que depende do governo municipal para manutenção de viaturas, por exemplo.

– Queremos que a maioria de vocês queira vir para Viamão. Dentro do Masterplan, o nosso projeto para região da Viamópolis, está contemplada a construção da nova sede para o Corpo de Bombeiros, com um espaço mais amplo e mais moderno, que vai garantir uma retaguarda adequada ao trabalho de todos vocês – adiantou Pacheco.

Em seguida, ele assistiu ao treinamento de combate às chamas – não sem antes entregar os paramentos aos recrutas.

– Agora é com eles – brincou.

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Compartilhe esta notícia:

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Elon Musk e o lítio da Amazônia

Seu encontro com o “capitão” suscitou debates sobre reservas brasileiras do minério, essencial à indústria de microchips e baterias. Inexploradas, poderiam gerar riquezas e soberania tecnológica. Mas nada prosperará sob

Leia mais »

Receba nossa NewsLetter

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook