O Cadu ganhou o videogame, e a ’caixinha do sonho’ voltou com uma surpresa

Imagens: assessoria de Imprensa Instituto de Cardiologia

A aula de cidadania que o Carlos Eduardo Lopes deu ao mobilizar a família para ajudar o Hospital Viamão (ICHV) segue rendendo cenas – e ações – inspiradoras. Na segunda-feira (25), o pequeno morador da Santa Isabel doou à casa de Saúde R$ 25,15, dinheiro que havia economizado para comprar um vídeogame no fim do ano. Hoje pela manhã, ele foi presenteado com o tão desejado aparelho.

O gesto do menino de 8 anos ao abrir mão de um sonho infantil na intenção de contribuir para o atendimento aos pacientes do coronoavírus comoveu a equipe do do Instituto de Cardiologia de Porto Alegre, que comanda o ICHV. Como forma de agradecimento, profissionais realizaram uma vaquinha e compraram o videogame. A entrega ocorreu em Viamão.

Cadu recebeu o presente das mãos do médico Tiago Leiria. Bastante desenvolto, dessa vez o pequeno só conseguiu ter uma reação:

– Caramba! – exclamou.

Ao abrir a embalagem do aparelho, também encontrou um jogo de futebol. E as surpresas não pararam por aí. Tiago devolveu a "caixa do sonho" de criança com o mesmo valor doado, mas antes rabiscou: "Caixa do sonho, meu controle do videgame".  

– É para o segundo controle, para poder jogar com o mano – disse o médico.

Cadu quer ser cientista quando crescer | Foto: Arquivo pessoal

 

– Ele é um guri especial, o mundo precisa de mais amor e menos discordância. Se as pessoas destinassem 10% do que elas têm para os outros, o mundo seria melhor – afirma Tiago.

A mãe, Nany Lopes, agradeceu.

– Pra mim, isso é muito importante, todos os dias a gente conversa sobre isso (solidariedade). Estou tão agradecida com a atitude de todos do hospital pelo Cadu – revelou.

O assistente da diretoria do Hospital Viamão, Geison Rosa Farias resumiu:

– São situações que nos fortalecem. Trabalho desde 2007, poucas vezes algo assim aconteceu. Que o gesto motive a comunidade a olhar ainda mais para o hospital.

Geison lembrou que a instituição tem o apoio de diversos setores da comunidade, agradeceu e lembrou que toda a ajuda é bem-vinda.

– O gesto do Cadu é um símbolo, mas quem puder ajudar, precisamos de doações em materiais. Álcool gel, produtos de higiene, máscaras, tecido e mão de obra para confecção de máscaras são de fundamental importância.

 

Em vídeo: Cadu recebe a surpresa da equipe do Hospital.

 

Imagens: assessoria de Imprensa Instituto de Cardiologia

  

 

LEIA TAMBÉM

Empresa que faz gestão da UPA cobra da Prefeitura três meses de pagamentos em atraso; O caos das terceirizadas

Empresa da Serra doa equipamentos de proteção para equipes do Hospital Viamão

A médica Letícia Ikeda estava certa: a Páscoa chegou, e o Dia das Mães está a caminho

Para evitar surto da COVID-19, Prefeitura afasta 46 servidores após caso positivo na Administração

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Compartilhe esta notícia:

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Elon Musk e o lítio da Amazônia

Seu encontro com o “capitão” suscitou debates sobre reservas brasileiras do minério, essencial à indústria de microchips e baterias. Inexploradas, poderiam gerar riquezas e soberania tecnológica. Mas nada prosperará sob

Leia mais »

Receba nossa NewsLetter

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook